7 de outubro de 2022

Governo do Piauí promove mais de 900 professores da rede estadual

Cerca de 975 professores da Secretaria de Estado da Educação tiveram suas promoções autorizadas pelo Governo do Estado. A implantação dos benefícios representará um impacto financeiro de R$ 342.896,18. A autorização foi assinada pela governadora Regina Sousa e publicada no Diário Oficial do Estado nesta sexta-feira (07).

A mudança de classe é voltada para os professores integrantes do Quadro do Magistério da Rede Pública Estadual de Ensino, uma promoção vertical concedida para cada nova titulação acadêmica, a partir da inicial, contemplando Especialização, Mestrado e Doutorado completados.


Essa e outras medidas fazem parte de um conjunto de ações voltadas para a valorização dos servidores como um todo. Além de um reajuste de 14% para os servidores, o Governo do Estado, por meio da Seduc, garantiu também o reenquadramento de 1.055 servidores de apoio operacional e administrativo, entre ativos e inativos.

A governadora do estado, Regina Sousa, reitera a importância da valorização dos servidores. “Além de um reajuste de 14% para os servidores, também fizemos, através da Seduc, o reenquadramento de 1055 servidores de apoio operacional e administrativo, entre ativos e inativos. Isso é promover a valorização integral de quem contribui diariamente a educação do estado”, disse.

O secretário de Estado da Educação, Ellen Gera, comentou a autorização e garante que "o Governo do Piauí segue com seu cronograma de progressões para os profissionais da Educação", declarou. “Estamos sempre trabalhando para garantir que os nossos professores tenham seus direitos garantidos. Essa mudança de classe para 975 profissionais beneficia não só os professores, mas também nossos alunos, que terão mestres muito mais qualificados no chão da escola”, garante Ellen Gera.

Cleverson Moreira é um dos professores que a partir da sua conclusão de um mestrado, agora ascende profissionalmente no quadro de profissionais da educação. Ao participar do ato de assinatura da promoção dos professores, Cleverson avalia a importância desse tamanho incentivo. “É um momento feliz, onde sentimos a valorização, o reconhecimento do nosso esforço e investimento na qualificação profissional. É um processo transformador pessoal e principalmente que auxilia para que a política educacional conte com mais profissionais qualificados”, disse o professor.

VALORIZAÇÃO DOS PROFISSIONAIS DA EDUCAÇÃO

Os profissionais da educação do Piauí, tanto professores como servidores, chegam ao final de 2022 comemorando ganhos em suas carreiras conquistadas ao longo dos últimos 4 anos. Entre 2019 e 2022, 5.263 trabalhadores da Secretaria de Estado da Educação (Seduc) tiveram suas mudanças de nível, classe e padrão assinadas pelo Governo do Estado, garantindo uma melhoria nos seus vencimentos.

"Mesmo neste período tão difícil, a Seduc vem trabalhando para realizar promoções que impactam diretamente em melhorias salariais, além de valorizar o compromisso dos servidores para com o serviço público, que não deixaram a educação dos nossos estudantes parar nesses últimos dois anos", finaliza Ellen Gera.

Além de melhorias salariais, a Seduc também se preocupou com a qualificação dos professores, realizando formações que ajudam a elevar o nível de ensino e aprendizagem dos alunos da rede.

FORMAÇÕES PARA PROFESSORES

Entre os anos de 2019 e 2022, o Governo do Piauí investiu na continuidade das suas formações de professores. A Secretaria da Educação concedeu solicitações de liberação de afastamento de sala de aula remunerado para que os professores interessados pudessem cursar mestrado e doutorado. Foram contemplados 230 profissionais da Educação Básica, integrantes do quadro efetivo da Rede Estadual, no processo de afastamento para participarem de cursos de pós-graduação stricto sensu.

Os afastamentos para estudos são concedidos em tempo integral (liberação total da carga horária) para servidores em regime de trabalho de 20 horas ou 40 horas matriculados em cursos de Mestrado Profissional e cursos de Pós-Graduação, na modalidade semipresencial ou modular.

Clique na imagem para ampliá-la.

A Seduc criou também ferramentas para promover a formação continuada de professores e demais profissionais da educação, por meio da Unidade Técnica do Chão da Escola (UTECE).

Criado na plataforma YouTube, o programa "No Chão da Escola” implementou cursos virtuais de ferramentas tecnológicas: iSeduc; aplicativos para aulas; atividades escolares; ensino remoto e ensino híbrido; e formação em protocolo biossanitário para o retorno às aulas presenciais. Também foi trabalhado o aspecto emocional dos professores.

No período de 2020 a 2022, a programação do canal Chão da Escola, que conta com quadros de formações específicas e temáticas, alcançou 86.895 espectadores na modalidade de formação continuada remota.

Fonte: Governo do Piauí

Mais visitadas