20 de julho de 2022

Comerciante que respondia por tráfico de drogas é executado a tiros em São José do Divino



Um apenado pelo crime de tráfico de drogas que se encontrava em prisão domiciliar, identificado como Edmilson da Silveira Sousa, de 50 anos, foi executado com vários disparos de arma de fogo na noite desta terça-feira (19/07), no município de São José do Divino, na região Norte do Piauí.


De acordo com o apurado, a vítima estava em seu empreendimento, um depósito de bebidas situado no entorno da praça matriz da cidade, quando um carro ocupado por três ou quatro indivíduos parou na frente do comércio e dois deles desembarcaram e invadiram o local efetuando vários tiros contra a cabeça do comerciante, que teve morte imediata.

Ainda conforme o colhido pela reportagem, após o homicídio, os criminosos ainda efetuaram disparos para o alto com o intuito de intimidar os populares. Durante a fuga, na altura da BR-343, a Polícia Militar se deparou com o carro ocupado pelo bando, dando início a um acompanhamento tático seguido com troca de tiros, na qual os militares atingiram os pneus do veículo ocupado pelo grupo, que fugiu a pé pela vegetação.


O automóvel abandonado pelos criminosos trata-se de um Volkswagen Polo, ano/modelo 2019/2020, de cor branca e placas QWV-3E19/Belo Horizonte-MG, pertencente a uma locadora de veículos, que, inclusive, havia registrado um Boletim de Ocorrência (BO) por apropriação indébita datado em 12 de janeiro deste ano (2022).


A área do crime foi isolada pelos policiais militares que acionaram os Institutos de Criminalística e Médico Legal (IML), que realizaram os procedimentos de praxe e removeram o corpo para o posto avançado do IML em Parnaíba.


O caso é investigado pela Polícia Civil, que aponta fortes indícios do crime se tratar de uma execução, já que todos os tiros foram na região da cabeça, além de não terem subtraído pertences da vítima, que por sua vez tinha passagem pelo sistema prisional por envolvimento no tráfico de entorpecentes.

Fonte: Blog do Coveiro

Mais visitadas