24 de setembro de 2021

Vereador Gabriel usa plenário da Câmara para defender Pedro do Leite, criticar blog e chamar oposição de "inoperante"

    Com a cidade assolada pela falta d´água que castiga centenas de famílias da zona rural, com ruas esburacadas comprometendo a segurança do tráfego urbano da região e dificultando o acesso para algumas comunidades, com escolas necessitando de reformas urgentes, o vereador Gabriel (Republicanos), suplente de suplente, preferiu utilizar sua fala no plenário da Câmara para defender o vereador licenciado Pedro do Leite, criticar duramente um veículo de comunicação e ainda por cima denominar a oposição de "inoperante", durante sessão plenária realizada na manhã de hoje (24/09).

Vereador suplente de suplente Gabriel e o vereador eleito Wilton Veras
    Para muitos que acompanharam a transmissão, via rede social, o discurso do vereador Gabriel protagonizou um dos piores momentos da história daquela casa, quando em sua fala fugiu da esfera profissional legislativa ao tomar parte de uma discussão pertencente ao Pedro do Leite, bem como saindo em defesa da gestão Maninha Fontenele e sobretudo ter sido, de certa forma, indecoroso com os demais vereadores do grupo oposicionista, ao afirmar o seguinte: "Inoperante não é a situação, não. Inoperante é a oposição. Porque para se fazer oposição tem que conhecer". Cabe ressaltar que a oposição daquela casa é composta por um grupo de quatro vereadores, são eles: Wilton Veras (PSD), Daniel Cabrinha (PSDB), Silvinha (PSB) e a vereadora Kátia Silva (PSD).

    Posteriormente foi dada a palavra para o vereador Wilton Veras que por sua vez disse o seguinte: "Com relação ao fato da oposição "ser inoperante", eu não estou aqui para fazer oposição contra Luís Correia. Todo mundo sabe, e, vocês dois, os dois vereadores que assumiram aqui como suplente, eles vem aqui toda vez que a gente faz uma denúncia, que fala alguma coisa da gestão. Até mesmo o líder o governo não se presta a um papel desse, de vir defender coisas que é indefensáveis. E vereador aqui se comporta dessa forma. Então, eu queria dizer aqui que todos os dias nós estamos na rua fiscalizando. Porque como como você falou aqui, nós estamos pagos para atender as demandas da população.Nosso papel é esse, é apresentar, é cobrar e quando não tiver feito é cobrar da gestão, é apresentar as soluções. Cadê a água lá do residencial Cearazinho, vereador? Que resolveram só a situação lá do bairro Campos? É disso que eu estou falando. Como é que a gente pode defender uma situação dessas?"

Roderico Júnior, do Portal Luís Correia. 

Mais visitadas