8 de setembro de 2020

UESPI participa de Seminário nacional sobre cotas no ensino superior

O Núcleo de Estudos e Pesquisas Afro (NEPA), da Universidade Estadual do Piauí, participará do II Seminário Nacional de Políticas de Ações Afirmativas nas Universidades Brasileiras, que acontecerá entre os dias 13 e 19 de setembro. A proposta, que apresenta como temática: Desafios e avaliação de aspectos políticos, administrativos e jurídicos das cotas no ensino superior, visa construir um espaço de avaliação crítico-reflexivo da aplicação das políticas de ações afirmativas em seus aspectos políticos, administrativos e jurídicos no contexto da esfera pública brasileira.



A Professora Iraneide Soares, docente do curso de História e coordenadora do NEPA, faz parte da comissão organizadora e será uma das palestrantes no evento. Outros docentes da nossa UESPI também marcarão presença no Seminário, também participarão de um debate no dia 17, às 19h. Além do corpo docente, vários discentes da instituição já realizaram suas inscrições e confirmaram participação.

É o caso do estudante Natanael Soares, aluno do curso de História, que está empolgado para o início da programação do Seminário, visto que a discussão pautada apresenta a mesma temática que pesquisa na academia. “Esse evento vai nos proporcionar uma discussão muito importante e necessária, pois nesse momento as políticas de ações afirmativas estão sofrendo bastantes ataques. No meu caso, vai me proporcionar um ganho muito grande, pois pesquiso sobre o tema e a discussão vai contribuir muito”, contou o discente.

Para a Profª Iraneide Soares, essa ação ampliará o debate em pauta e contribuirá significativamente para o progresso nas universidades. “Para nós da UESPI, este evento só tem a somar, pois estamos em debate afim de ampliar a reserva de vagas para alunos cotistas de 30% para 50%. Ademais, terá também um papel formativo, pois a UESPI – no ano de 2019 – instituiu as bancas de heteroidentificação em todos os campus, daí a necessidade de formação e ampliação das discussões e reflexões sobre esta política”, explicou a docente.

Inscrições

O evento está sendo organizado pela Universidade Federal de Ouro Preto (UFOP) e as inscrições podem ser realizadas na página do Seminário até o dia 11 de setembro. Para os alunos ligados aos núcleos de estudos afro-Brasileiro ou afins – como NEPA, SANKOFA e outros – o valor é R$15,00. Para pesquisadores membros da Associação Brasileira de Pesquisadores (as) Negros (as) – ABPN – é gratuita e para o público em geral o investimento é de 30,00.

Os alunos e professores da Nossa Uespi, não associados a ABPN, podem se inscrever como integrantes do NEAB, NEABI ou grupos correlatos.

Fonte: Assessoria UESPI

Mais acessadas