8 de maio de 2020

Valdemir Silva requer controle e serviços nas barreiras sanitárias de Luís Correia

Tendo em vista o aumento dos casos de coronavírus (Covid -19) na região norte do Piauí, onde vários municípios já estão adotando medidas restritivas de segurança para o combate da pandemia, o vereador Valdemir Silva solicitou o controle e serviços nas barreiras sanitárias de Luís Correia.

Vereador Valdemir Silva (PT). (Foto: Roderico Júnior, do Portal Luís Correia)

controle das localidades tem por objetivo principal disponibilizar serviços como: medição de temperatura corporal, higienização de caminhões e carros de passeios, proibição de passagem de pessoas de outros estados sem a devida justificativa, criação de barreiras nas principais ruas e avenidas da cidade para reduzir o trânsito de carros e de pessoas, sendo permitido o acesso de moradores na cidade com comprovante de residência, das pessoas que trabalham no município e de veículos para entregas de mercadorias. Além disso, as pessoas abordadas serão orientadas a utilizar máscaras como medida de proteção individual e outras ações de contenção.

As barreiras sanitárias serão montadas nas seguintes localidades: ponte, na entrada da cidade; no Retiro, divisão com Ceará; no entroncamento do Camurupim. Nos povoados: Lagoa dos Porcos, Emparedados, Fernando e no Carneiro, divisa com o município de Cocal.

De acordo com Valdemir Silva (PT), "As medidas de prevenção recomendadas e as restrições impostas como: fechamento de comércios, bares e restaurantes, e hotéis; algumas prefeituras estão fazendo barreiras sanitárias para inibir a entrada de pessoas contaminadas. Nossa situação é problemática em termos de localização geográfica. À nossa frente temos Parnaíba que cresce a cada dia a quantidade de contaminados; de lado temos o estado do Maranhão, do qual já adotou até Lockdown; e no outro lado temos o Estado do Ceará com sistema de saúde pública já comprometido, com várias cidades fechadas o acesso" pontuou o legislador.

Roderico Júnior, do Portal Luís Correia.

Mais acessadas