29 de maio de 2018

Alguém se lembra de exercitar o períneo?


É cada vez maior o culto ao corpo. As academias vivem lotadas e não faltam opções para deixar braço, pernas, abdômen e bumbum malhados.

Mas e o Períneo? Alguém se lembra de exercitar estes músculos?

Muitas pessoas nunca ouviram falar e desconhecem que possuem períneo.

Imagem ilustrativa. (google imagem)
Essa musculatura localizada no assoalho da pelve possui funções muito importantes, como a manutenção da continência urinária e fecal, o suporte dos órgãos pélvicos e também colaboram para a saúde sexual de homens e mulheres.

Dentro deste contexto, as mulheres saem na frente e até sabem da existência desses músculos, porém 30% delas não conseguem contraí-los da forma correta e o fazem com auxílio de outros músculos, como os abdominais e glúteos.

Homem também tem períneo

Quando se questiona a um homem sobre seu períneo, seu semblante é de espanto. Para muitos, períneo é coisa de mulher e tirar esta redoma de preconceito nem sempre é tão fácil.

Certamente se homens e mulheres incluíssem em sua vida adulta uma avaliação do status perineal e aprendessem a exercitar seus períneos com a mesma dedicação que exercitam outros músculos, iriam sempre manter a região genital irrigada, oxigenada e forte.

Devido ao períneo feminino ser mais frágil (são três aberturas: uretra, vagina e ânus) e ainda sofrer das injúrias do parto, o trabalho deveria ser iniciado já a partir do início da vida sexual.

Com os exercícios perineais, a mulher tem a oportunidade de trabalhar sua sexualidade ajudando a aumentar o contato de vagina com pênis no ato sexual e assim podendo alcançar mais facilmente o orgasmo.

Enquanto isso, o homem irá responder amplificando sua excitação e se ele também conhecer os benefícios da contração do seu períneo, poderá incrementar a qualidade da sua ereção.

Fonte: Sexo Sem Dúvidas

Mais acessadas