11 de fevereiro de 2018

Bloco Alma Gêmea de Luís Correia deu um show de filosofia na avenida.

Trazendo um brilho todo especial e representando a tradição carnavalesca do município, o bloco Alma Gêmea desfilou na última sexta-feira, dia 09/02, pela Avenida Senador Joaquim Pires, celebrando 13 anos de história no carnaval de Luís Correia - Piauí. 

Bloco Alma Gêmea 2018 - Portal Luís Correia.
Fundado pela família da Dona Maria, do seu Zé Bodim, o Alma Gêmea caracteriza-se peculiarmente por expor representatividade voltada a uma questão filosófica complexa, em outrora abordada por Platão, no livro “O Banquete”, que vislumbra o amor puro transcendente entre dois seres humanos visto na metafísica ao deus Eros, porém cindidos por Zeus em duas almas gêmeas como forma de castigo por tamanha rebeldia. 

Bloco Alma Gêmea 2018 - Portal Luís Correia.
Outra característica importante destacada no bloco são as fantasias utilizadas pelos foliões. Estas representam a abstração das almas separadas por Zeus, lançadas impiedosamente à Terra; desta vez no completo desespero, a procura de suas metades. 

Bloco Alma Gêmea 2018 - Portal Luís Correia.

Bloco Alma Gêmea 2018 - Portal Luís Correia.
Assim, totalmente inquietadas pela perda, elas buscam de maneira incansável reencontrar sua outra metade no mundo material. Fadadas ao irreconhecível, as almas gêmeas se materializam com a “lembrança” de que algo indispensável foi perdido. Agora, na forma humana, a dor sentida pelas almas solitárias é transmitida para a carne através de uma reação hormonal, versada popularmente como saudade. 

Bloco Alma Gêmea 2018 - Portal Luís Correia.
O bloco é composto em sua maioria por familiares e amigos que juntos produzem os adereços expostos durante o desfile. Além dos próprios esforços, o bloco conta ainda com alguns apoiadores que, por sua vez, valorizam a importância carnavalesca local. De forma aguerrida o Alma Gêmea manteve sua tradição em 2018.

Bloco Alma Gêmea 2018 - Portal Luís Correia.
De acordo com informações, o bloco Alma Gêmea totalizou este ano uma média de trinta foliões que animaram a principal avenida da cidade, sobretudo no retorno da Praça Núbia Suely onde em coreografia demonstraram o reencontro e a união de todas as almas numa só unidade cósmica.

Roderico Júnior, do Portal Luís Correia.

Mais acessadas