sexta-feira, 18 de janeiro de 2019

Prefeito Kim do Caranguejo e Mão Santa fecham parceria para construir uma nova estrada interligando Parnaíba a Luís Correia


Em visita ao gabinete do prefeito de Luiz Correia, Kim do Caranguejo, o prefeito de Parnaíba, Dr. Francisco de Assis Moraes Sousa, o Mão Santa, fecharam parceria nesta quarta-feira (16) para construir uma nova estrada interligando os dois municípios.


Os dois prefeitos já vinham conversando desde o ano passado sobre a possibilidade de construir este novo acesso ligando os dois municípios. Uma equipe da prefeitura Parnaíba está elaborando relatórios de impacto ambiental e um projeto de viabilidade técnica.

O prefeito Mão Santa também busca junto ao governo federal verbas para conclusão do prolongamento da Avenida São Sebastião. A obra de responsabilidade do governo do estado do Piauí encontra-se paralisada desde janeiro de 2015.

Fonte: Jornal da Parnaíba

Aluguéis em baixa: IGP-M tem queda de preços de 0,01% na segunda prévia de janeiro


A deflação mais moderada foi provocada por aumentos nos três subíndices que compõem o IGP-M. O Índice de Preços ao Produtor Amplo, que mede o atacado, continuou com deflação, mas a queda de preços ficou menos intensa de dezembro (-1,74%) para janeiro (-0,26%).


O Índice de Preços ao Consumidor, que mede o varejo, passou de uma deflação de 0,05% na prévia de dezembro para uma inflação de 0,49% em janeiro. Já o Índice de Custo da Construção teve aumento em sua taxa de inflação, de 0,1% para 0,38% no período.

Fonte: Agência Brasil

Resultados do Enem 2018 são divulgados


Os participantes do Exame Nacional do Ensino Médio (Enem) 2018 já podem consultar seus resultados na Página do Participante ou no aplicativo Enem 2018. As notas individuais foram disponibilizadas pelo Instituto Nacional de Estudos e Pesquisas Educacionais Anísio Teixeira (Inep) às 8h30 (Horário de Brasília) desta sexta-feira, 18 de janeiro, e só podem ser acessadas após o participante informar o CPF e a senha cadastrada. Os resultados individuais dos treineiros serão liberados em 18 de março, mesma data da divulgação da vista pedagógica da redação.


Já o resultado geral foi publicado às 10h (Horário de Brasília). Para cada uma das quatro áreas de proficiência o Inep divulgou a quantidade de participantes avaliados, com proficiência mínima e com proficiência máxima, além do número de provas em branco. Além da proficiência média, foram apresentadas as proficiências de cada perfil de participante: concluintes, egressos, treineiros, surdos que optaram pela videoprova em Libras, surdos que optaram por interprete de Libras. Os resultados também destacam a proficiência máxima e mínima dos participantes. Todo o conjunto de dados contempla os anos de 2018 e também de 2017. A comparação das notas da redação entre edições é inadequada por motivos metodológicos.

Também foram apresentados os números de redações nota zero e nota 1000. Ao todo, 55 participantes obtiveram a nota máxima e 112.559 (2,73%) zeraram a prova dissertativa. O número de notas zero é bem menor que o de 2017. Os principais motivos para nota zero no Enem 2018 foram: redações em branco (1,12%), fuga ao tema (0,77%) e cópia do texto motivador (0,36%).

Para o Inep, concluintes são os participantes que concluíram o Ensino Médio em 2018; enquanto treineiros são os que não concluíram. Já egressos é o conceito para participantes que já tinham concluído o Ensino Médio em anos anteriores a 2018.

Ausentes – os dados finais confirmam a edição de 2018 com a menor taxa de ausentes desde que o Enem assumiu o formato atual, em 2009. Ao todo, 1.352.566 participantes não compareceram aos dois dias de prova, o que corresponde a 24,53% dos 5.513.747 participantes confirmados. Em 2017, a abstenção foi de 29,9%. A taxa de abstenção foi, novamente, maior entre os participantes beneficiados pela isenção da inscrição: 28,44% contra 17,62% dos pagantes.

Entre os participantes isentos por serem concluintes do Ensino Médio na rede pública a abstenção foi de 20,8%. Quando se observa o grupo de participantes liberados de pagar a inscrição por se adequarem à Lei 12.799/2013 ou ao Decreto 6.135/2007 o percentual de abstenção é de 33,33%. Em 2017, dos participantes beneficiados pela legislação, 42,5% não compareceram nos dois dias de prova.

A queda no percentual de abstenção confirma a eficiência das medidas adotadas desde 2016 para evitar o desperdício do dinheiro público. Os participantes que não pagaram para fazer o Enem 2018 e não compareceram em pelo menos um dia da aplicação terão que justificar essa ausência se quiserem solicitar isenção no Enem 2019. As provas do Enem 2018 foram aplicadas em 4 e 11 de novembro. Já a reaplicação ocorreu em 11 e 12 de dezembro.

RESULTADOS POR ÁREA DE CONHECIMENTO – ENEM 2018 – APLICAÇÃO REGULAR

Linguagens, Códigos e suas Tecnologias

Proficiência Média Geral – 526,9
Proficiência Média Concluintes – 520,8
Proficiência Média Egressos – 529,1
Proficiência Média Treineiros – 538,9
Proficiência Mínima – 318,8
Proficiência Máxima – 816,9

Redação

Proficiência Média Geral – 522,8
Proficiência Média Concluintes – 523,4
Proficiência Média Egressos – 520,9
Proficiência Média Treineiros – 541,2
Redações Nota Zero – 112.559
Redações Nota Mil – 55

Ciências Humanas e suas Tecnologias

Proficiência Média Geral – 569,2
Proficiência Mínima – 387,2
Proficiência Máxima – 850,4
Proficiência Média Concluintes – 561,7
Proficiência Média Egressos – 573,4
Proficiência Média Treineiros – 575,2

Matemática e suas Tecnologias

Proficiência Média Geral – 535,5
Proficiência Mínima – 360
Proficiência Máxima – 996,1
Proficiência Média Concluintes – 533,4
Proficiência Média Egressos – 533,9
Proficiência Média Treineiros – 553,4

Ciências da Natureza e suas Tecnologias

Proficiência Média Geral – 493,8
Proficiência Mínima – 362,5
Proficiência Máxima – 869,6
Proficiência Média Concluintes – 490,8
Proficiência Média Egressos – 495,7
Proficiência Média Treineiros – 497,2


Fontes: Assessoria de Comunicação Social

Homem é morto a facadas no centro de Luís Correia

Por volta das 04h50m, desta quinta-feira (17/01) o Sr. Edgar Ribeiro Rocha foi vitima de homicídio ocorrido em frente ao posto SP, localizado na Av. José Maria de Lima, em Luis Correia.


De acordo com informações repassadas para Policia Militar, a vitima que é natural de Teresina, chegou em Luis Correia na quarta-feira à noite tendo por objetivo matar sua ex-companheira. Os relatos narram que Edgar teria se dirigido para um bar, beber, com a finalidade de proceder com o crime em questão.

Edgar foi surpreendido por seu ex-cunhado que se fez presente no local onde o citado estava bebendo. Ainda segundo os relatos, ambos discutiram e o ex-cunhado desferiu em torno de quinze facadas na vitima, ocasionando o óbito no local. 


De acordo com polícia, o crime é marcado por rixas e ameaças pois a ex-companheira era constantemente coagida e espancada pelo vitimado. Ressalta-se que os envolvidos no episódio têm passagem pela policia por tráfico e homicídio. 

Roderico Júnior, do Portal Luís Correia. 
Com informações da Ciptur. 

PROP/UESPI divulga Edital PIBIC-PIBITI 2019-2020


A Universidade Estadual do Piauí (UESPI), por meio da Pró-Reitoria de Pesquisa e Pós-Graduação (PROP), torna público o Edital do Programa Institucional de Bolsas de Iniciação Científica (PIBIC) e do Programa Institucional de Bolsas de Iniciação em Desenvolvimento Tecnológico e Inovação (PIBITI). São 205 bolsas, sendo 198 para PIBIC e 7 para PIBITI.



As inscrições ao PIBIC / PIBITI 2019-2020 estarão abertas durante o período de 18 de Março a 27 de abril de 2019, e serão feitas exclusivamente pelo SIGPROP, por meio do preenchimento dos dados cadastrais do(a) orientador(a), cadastro da área de conhecimento da CAPES onde o pesquisador deseja que o seu projeto de pesquisa seja avaliado, cadastro do Currículo Lattes, preenchimento da planilha de produção acadêmica, cadastro do projeto de pesquisa, cadastro do(a) discente e geração do comprovante de submissão da proposta. Cada pesquisador poderá submeter até 4 projetos, independente da modalidade.


Fonte: Assessoria de Comunicação - UESPI

Últimos dias de inscrição do Exame de Proficiência


As inscrições para o Exame de Proficiência em Língua Estrangeira na Universidade Estadual do Piauí, campus Torquato Neto, encerram dia 18 de janeiro. A Proficiência constará de prova escrita discursiva, de caráter eliminatório, em uma única etapa, nos idiomas Inglês e Espanhol.

Imagem ilustrativa
As inscrições podem ser realizadas de 8h às 12h, no CCHL, no Campus Poeta Torquato Neto. O pagamento da taxa de inscrição, no valor de R$ 80,00 (oitenta reais) para cada Exame de Proficiência, deverá ser depositado na Conta-Corrente n° 107.499-7 Agência n° 1640-3, Banco do Brasil; da Fundação Delta do Parnaíba (FUNDELTA), devendo o comprovante de pagamento ser entregue no ato da inscrição na Diretoria do CCHL-UESPI.

O coordenador do curso de Espanhol, Profº Josinaldo Oliveira, afirma que o Exame vai trabalhar a compreensão leitora dos inscritos. “O exame é importante para as pessoas que desejam adentrar em programas de pós graduação, principalmente os que exigem uma ou mais línguas estrangeiras”, pontua.

A prova escrita será realizada no dia 23 de janeiro de 2019 e terá duração de 4 (quatro) horas, tendo início às 8:30 min e findando às 12:30, no Campus Poeta Torquato Neto. O horário da prova leva em consideração o horário vigente no estado do Piauí. O Exame será executado pela Diretoria do Centro de Ciências Humanas e Letras (CCHL), através de Projeto vinculado à Pró-Reitoria de Extensão (PREX)

Confira o Edital

Fonte: Assessoria de Comunicação - UESPI

quarta-feira, 16 de janeiro de 2019

TJ devolve para a Agespisa concessão do abastecimento de água em Parnaíba


O desembargador Sebastião Ribeiro Martins, do Tribunal de Justiça do Piauí, assinou na manhã desta quarta-feira (16) uma decisão que suspende a liminar concedida à Prefeitura de Parnaíba,que dava lhe o direito da execução dos serviços de abastecimento de água e esgotamento sanitário da cidade.

Equipe da Prefeitura de Parnaíba-PI teve acesso ao prédio da Agespisa na terça-feira (15) — Foto: Reprodução/ TV Clube

A prefeitura tinha uma liminar da 4ª Vara da Comarca de Parnaíba concedendo à Prefeitura Municipal a posse da Agespisa na cidade, no entanto, com a decisão do TJ, ficam suspensas todas as ações previstas na liminar. O magistrado diz em sua decisão que a liminar concedida anteriormente prejudica a ordem pública, a saúde, a segurança, a economia, o estado do Piauí e a Agespisa.

A decisão cita ainda que o serviço de captação e tratamento prestado pela Agespisa fornece parte da água tratada não só para o município de Parnaíba, mas também para os municípios vizinhos de Ilha Grande, Cajueiro da Praia e Luís Correia, os quais não podem ser prejudicados, sob pena de violação ao princípio da continuidade do serviço público e, de forma mais grave, ao direito fundamental à saúde.

Em nota, a Prefeitura de Parnaíba informou que a determinação do Tribunal de Justiça do Piauí suspende apenas os efeitos da liminar de imissão na posse e que em nada fala sobre a decisão de rescindir o contrato ocasionado em decorrência de processo administrativo, via decreto municipal.

A assessoria jurídica do município informou ainda que o decreto está mantido, a prefeitura continuará os atos de transição nos limites legais e os advogados já estão agindo junto ao TJ-PI para tentar reverter a decisão. Uma vez que, segundo a prefeitura, a decisão do tribunal desconsiderou o vasto conjunto probatório que motivou a decisão de imissão de posse.

Disputa judicial

O processo de municipalização dos serviços de água e esgoto da cidade, que eram executados por meio de contrato pela Agespisa, teve início após a publicação de um decreto no Diário Oficial do Município de Parnaíba, no dia 28 de dezembro de 2018. Depois disto, a Agespisa teria impedido o acesso dos funcionários da Prefeitura às repartições pertencentes à Agespisa. A prefeitura entrou com uma liminar e conseguiu o direito de entrar nas dependências do órgão.

De acordo com a prefeitura, a primeira tentativa dos engenheiros e advogados de acesso aos prédios da Agespisa em Parnaíba foi nessa segunda-feira (14), mas a equipe teve dificuldades. O grupo fez uma nova tentativa na terça (15) portando um despacho de urgência e acompanhado da guarda municipal, da Polícia Militar e de dois oficiais de Justiça.

Fonte: G1.globo.com

Prazo para indicar instituições ao Programa Saúde na Escola termina em fevereiro


Os gestores das áreas de saúde e educação das prefeituras têm até 15 de fevereiro para informar quais escolas de suas cidades irão participar do Programa Saúde na Escola (PSE) do Ministério da Saúde. Segundo o último balanço da pasta, apenas 40% dos municípios indicaram instituições de ensino.

Foto: Arquivo/Agência Brasil
A iniciativa resulta de uma parceria com o Ministério da Educação que pretende promover ações de saúde pública nas escolas. Nas unidades credenciadas há eventos para atualização do cartão de vacina, combate ao Aedes aegypti, incentivo à prática de exercícios físicos e prevenção de acidentes. Serão 12 atividades ao longo do ano.

Ao todo, 90% dos municípios estão inscritos no programa, que já beneficia 20 milhões de estudantes pelo País em 85,7 mil escolas. Para atender a este público, o investimento inicial será de R$ 89 milhões. A adesão é feita pela internet. A ideia é que identificando e tratando vulnerabilidades dos alunos, eles possam melhorar também o desempenho escolar.

Fonte: Ministério da Saúde