sexta-feira, 21 de setembro de 2018

Mulher homicida é presa com o companheiro por tráfico de drogas




Resultado de várias denúncias, a Polícia Militar desarticulou uma boca de fumo por volta das 12h30 desta quinta-feira (20/09), no Assentamento Salgadinho, zona rural do município de Buriti dos Lopes. Segundo o tenente Souza Filho, havia denúncias de que existia uma venda de drogas e que o casal Paulo Ricardo dos Santos Souza, 18 anos, e Maria dos Remédios Santos Souza, 25 anos, autorizou a entrada da polícia na residência.


Após vistoria foi encontrada uma quantidade de drogas dentro do cesto de roupas no quarto. Os policiais apreenderam uma porção de maconha não prensada; um pedaço de maconha prensado; oito pedras de crack, sendo uma grande, quatro pequenas e alguns farelos; vários saquinhos plásticos, uma faca e R$ 29,00.

Segundo o tenente Souza Filho, quando o jovem foi questionado sobre o tráfico de drogas, Paulo Ricardo disse que era apenas usuário. Quanto a Maria dos Remédios, está permaneceu calada. A mesma está na condicional e já foi condenada por ter matado degolado Crispim Rodrigues de Carvalho, 64 anos, com um golpe de facão por volta das 17h de quarta-feira (17/08/17) no Assentamento Salgadinho. O casal foi conduzido para a Delegacia de Buriti dos Lopes acusado de crime de tráfico de drogas e associação para o tráfico.


Fonte: Portal CN/Por Daniel Santos

Seis pessoas suspeitas de assaltos são detidas; armas e máscara apreendidas


Uma operação conjunta da Polícia Militar das cidades de Caldeirão Grande do Piauí, Francisco Macedo, Simões, Marcolândia, com o apoio da PM de Araripina-PE, resultou na prisão de seis pessoas suspeitas de envolvimento em vários assaltos que vinham aterrorizando a população da região.


De acordo com o comandante do GPM de Marcolândia, tenente De Assis, os criminosos entraram em Marcolândia empunhando armas e usando máscaras percorrendo as ruas da cidade. A polícia foi acionada e iniciou a perseguição, que culminou com a captura e prisão de seis pessoas.

Na ação foram recuperados vários objetos, como aparelho celular, seis motos que tinham sido roubadas e estavam sendo utilizadas para práticas criminosas, juntamente com arma de fogo e arma branca.


O tenente afirmou que a participação feminina servia para atrair as vítimas e assim os comparsas efetuarem os roubos. “Tinha mulheres que faziam participação para atrair as vítimas para o ‘cheiro do queijo’ e chegando lá, no local combinado, os homens surpreendiam as vítimas e efetuavam os assaltos” disse De Assis.


Fonte: 180

quinta-feira, 20 de setembro de 2018

Nascimento da primeira bezerra vermelha em 2 mil anos é visto como 'sinal do fim dos tempos'


A entidade judaica Temple Institute anunciou o nascimento da primeira bezerra totalmente vermelha em 2 mil anos, o que, segundo a instituição, significaria um "sinal do fim dos tempos" e uma amostra de que a "pureza da Bíblia será restaurada no mundo".


De acordo com a crença, o nascimento e o sacrifício da bezerra marcará a construção do terceiro Templo de Jerusalém - após a destruição dos dois anteriores. O episódio marcaria a chegada do "messias" esperado pelos judeus.

O rabino Chain Richman, diretor do Temple Institute, disse que "uma bezerra vermelha nasceu em Israel". Especialistas estão examinando o animal para ver se ele enquadra totalmente no conceito de "pureza" como diz uma profecia bíblica.

O Temple Institute criou, três anos atrás, o programa Raise a Red Heifer in Israel (Crie um Bezerro Vermelho em Israel), na tentativa de trazer à vida um bovino puramente vermelho. Embriões de angus vermelhos foram importados e implantados em vacas domésticas israelenses, segundo o site "Breaking Israel News".

"Se não houve um bezerro vermelho em 2 mil anos, foi porque, talvez, não era o momento certo. Israel se mantinha longe de estar preparada", disse o rabino Caimen, de acordo com o "Daily Star".

Antes mesmo do anúncio do nascimento da bezerra, muitos já acreditavam que o terceiro Templo pudesse estar a caminho por causa da decisão de Donald Trump de levar a embaixada americana em Israel a Jerusalém.

Fonte: Extra

Dados consolidados sobre prestação de contas de campanhas podem ser acessados no portal do TSE



O portal do Tribunal Superior Eleitoral (TSE) passa a oferecer, a partir de hoje (19), informações estatísticas consolidadas sobre a prestação de contas de candidatos e partidos políticos relativas às eleições de outubro. No link “Estatísticas Eleitorais” já era possível acessar informações detalhadas sobre candidaturas e eleitorado, em abas específicas.

tse.jus.br
Agora, na terceira aba “Prestação de Contas”, é possível obter dados consolidados a partir de um resumo geral que pode ser desdobrado em informações de receitas/despesas contratadas e pagas; receitas obtidas de recursos públicos e privados, e, por fim, despesas pagas com recursos públicos e privados, nas quais é possível saber o tipo de prestador, os tipos de despesa mais frequentes, as fontes de despesas, e os maiores fornecedores. 

Nas informações sobre tipos de receita, é possível pesquisar recursos oriundos de comercialização de bens ou realização de eventos, de doações pela internet, de financiamento coletivo, de outros candidatos, de partidos políticos, de pessoas físicas, recursos próprios e rendimentos de aplicações financeiras. 

Nas opções Receitas e Despesas Pagas, o usuário pode refinar sua pesquisa informando estado, município, partido, cargo, tipos de receita, fontes de receita e situação de candidatura. Também é possível acessar a receita advinda do Fundo Partidário e do novo Fundo Especial de Financiamento de Campanha (FEFC), também conhecido como Fundo Eleitoral, e verificar a aplicação dos recursos em candidaturas por gênero. 

A diferença das informações disponíveis nessa nova aba das estatísticas eleitorais para o Divulgacandcontas e o Repositório de Dados é que, nela, os dados estão consolidados com as informações enviadas à Justiça Eleitoral até o momento.

Os dados do painel de estatística são atualizados diariamente, à medida que candidatos e partidos políticos apresentam relatórios financeiros de campanha, contas parciais oficiais ou retificadas e prestações de contas finais oficiais ou retificadoras, de modo a espelhar sempre a última informação declarada pelo prestador de contas à Justiça Eleitoral.


Fonte: tse.jus.br

Prazo para saque de PIS/Pasep termina em 10 dias



Cotistas do PIS/Pasep com menos de 60 anos têm até o próximo dia 29 de setembro para resgatar os recursos do fundo. Depois do prazo, não será possível acessar os valores. Segundo o Ministério do Planejamento, 5,7 milhões de cotistas não retiraram o dinheiro. 

Medida vale para trabalhadores que foram empregados até 1988 - Foto: Arquivo/Agência Brasil

Após a data limite, apenas pessoas acima de 60 anos, aposentados ou herdeiros de cotistas, por exemplo, ainda poderão acessar o PIS/Pasep.

O benefício pode ser sacado em agências do Banco do Brasil e da Caixa Econômica Federal. As cotas somam os valores depositados por empregadores no PIS/Pasep entre 1971 e 1988. 

Fonte: Governo do Brasil, com informações do Ministério do Planejamento e Caixa

Direito, pedagogia e administração são cursos mais procurados


Direito, pedagogia e administração são os maiores cursos de graduação do país em número de alunos, de acordo com o Censo da Educação Superior 2017, divulgado hoje (20) pelo Instituto Nacional de Estudos e Pesquisas Educacionais Anísio Teixeira (Inep). Juntos, esses cursos representam mais de um quarto das matrículas, 27,4%.

Arquivo/Agência Brasil/Agência Brasil
Pelo menos desde 2009, esses cursos lideram a lista de mais procurados tanto em número de matrículas quanto em ingressantes e concluintes. Do total das matrículas vigentes em 2017, 10,6% são em direito; 8,6% em pedagogia; e 8,2% em administração.

Segundo o censo, no total, o ensino superior tem cerca de 8,3 milhões de estudantes em cursos de graduação. A maior parte dos estudantes está matriculada em instituições de ensino privadas, com 75,3% das matrículas. Ao todo, 6,5 milhões estão matriculados em cursos presenciais e, cerca de 1,8 milhões, em cursos a distância.

Consideradas apenas as licenciaturas, que formam professores para atuar nas salas de aula, pedagogia foi o curso mais procurado. Ao todo, as licenciaturas representam 19,3% das matrículas no ensino superior. Dessas, 44,7% são em pedagogia.

O curso é seguido por formação de professor de educação física, com 11,7% das matrículas em licenciaturas; formação de professor de matemática, com 6%; formação de professor de história, 5,7%; formação de professor de biologia, 5,3%; e formação de professor de português, 5%.

Fonte: Agência Brasil

terça-feira, 18 de setembro de 2018

Átila Lira pretende aumentar número de escolas técnicas no estado


O candidato a deputado federal Átila Lira (PSB) declarou em entrevista concedida nesta terça-feira (18) que uma das suas principais propostas é aumentar o número de escolas técnicas estaduais e federais.



Atualmente o Piauí conta com unidades do Instituto Federal do Piauí em 19 cidades do estado, além das escolas técnicas estaduais. Átila Lira enfatiza seu trabalho na Secretaria de Educação do Estado e no Ministério da Educação na ampliação do ensino técnico no Piauí.

“Quando fui secretário no Ministério da Educação iniciei uma série de programas no Brasil e eu não deixei de ajudar o Piauí. Eu ampliei o Instituto Federal do Piauí e ajudei a criar várias escolas técnicas no estado em cidades como Guadalupe, Pio IX, José de Freitas e vários outros municípios” afirma.

Átila, que já foi Secretário de Educação Técnica Profissional e Tecnológica, vê no ensino técnico a oportunidade de maior empregabilidade dos jovens egressos de escolas técnicas e institutos federais.

“Dentro desse pensamento da escola técnica como fator que facilita a vida do jovem para a obtenção do emprego, é que eu quero trabalhar mais ainda, obtendo recursos para que as escolas técnicas não fiquem apenas nas cidades regionais, mas possam também ser implantadas em cidades acima de 20 mil habitantes” conclui o candidato.

Fonte: Ascom

Capitania dos Portos realiza provas para admissão à Escola Naval


A Capitania dos Portos do Estado do Piauí, unidade da Marinha do Brasil em Parnaíba, realizou neste final de semana as provas para Admissão à Escola Naval com 23 inscritos, sendo 12 mulheres. Foram dois dias de provas de conhecimento em matemática, física, português, redação e inglês. A cidade não realizava esse concurso há 25 anos.



Em anos anteriores as provas eram realizadas no Maranhão ou Ceará, um gasto a mais e contratempo para quem queria tentar uma vaga. São 31 vagas para todo o Brasil.

O suboficial Nobre disse que o acesso às informações sobre os concursos para ingressar na Marinha agora ficou fácil, disponibilizadas no site e pelo acesso através da internet. “Estou na Marinha há 25 anos e nosso meio de comunicação era alguém falando para outro que estava aberto o concurso para Marinha e as informações eram distorcidas, porque não se tinha a certeza se era verdade e as ligações também eram caras”.

Estabilidade, realização profissional e pessoal são motivos que fazem jovens sonharem com uma carreira militar, como é caso de Demóstenes Maues, que tem 22 anos e sonha em seguir a carreira militar desde criança. E com as provas sendo realizadas em Parnaíba, ele verificou que ficou mais perto a concretização do sonho, sem a necessidade de deslocamento.

“Desde cinco anos de idade eu sempre falava para minha mãe que eu queria ser marinheiro. Eu conhecia uma pessoa aqui da Capitania e fui me informando como eu deveria fazer minha inscrição pelo site da Marinha. Já fiz três vezes para aprendiz de marinheiro, mas sem êxito. E quando soube da Escola Naval me dediquei horas de estudos, para conquistar a tão sonhada vaga, porque as provas são difíceis”, enfatizou o candidato.

As mulheres também sonham em seguir a carreira militar. Com 19 anos a candidata Iarli Correia tem o sonho de entrar na área militar, seja na Marinha ou na eronáutica. “Acho muito legal a área militar. Essa é primeira vez que eu faço para a Marinha, mas tinha feito para Aeronáutica. Um sonho que eu tenho desde pequena”.

O Capitão dos Portos, Dante Benjamim Rodrigues Duarte Lima destaca a importância da realização das provas aqui na cidade de Parnaíba e dessa forma dar condições iguais para todos os candidatos. “Antigamente acontecia o deslocamento dos candidatos e tinha uma logística para cidades do Maranhão ou Ceará. Agora a Capitania dos Portos passa a possibilidade de realização das provas dentro da sua própria cidade e isso traz uma tranquilidade para os candidatos que estão tentados aquela tão sonhada vaga”, disse o Capitão.

Dante falou da credibilidade das Forças Armadas na sociedade e da participação das mulheres dentro da Marinha, em todas as atividades, sejam elas operacionais técnicas ou administrativas.

Participação das Mulheres

“Hoje as Forças Armadas são a instituição que tem maior credibilidade na sociedade, graças a um trabalho e esforço nosso, em mostrar a importância do nosso trabalho. As Forças Armadas atuam em diversas funções dentro do Brasil e é um orgulho. Vale lembrar que a Marinha é a primeira Força que admitiu mulheres militares em seus quadros. Foi uma visão de empreendedorismo do almirante e então ministro de Estado, Maximiliano Eduardo, que possibilitou a entrada das mulheres, fato que aconteceu em 1980, um marco. Em 1997 as mulheres tinham na Marinha função específica e sendo ampliada para diversas outras áreas. Em 2012, a primeira força a ter oficial militar almirante e médica Dalva Maria. Uma inovação”.

No ano de 2017 foi liberado o acesso a todos os cargos de oficiais da Marinha. As mulheres poderão ser admitidas nas atividades operativas da Marinha, podendo integrar o corpo da Armada e o de Fuzileiros Navais, até então restritos apenas aos homens.

Com uma carreira sólida como dentista, Nayla Silva, agora tenente, 35 anos, tinha um objetivo: ingressar na carreira militar. “Desde muito nova tinha esse desejo de entrar na Marinha. Já minha mãe tinha muito receio pelas Forcas Armadas, mas dentro do meu coração tinha muita vontade. Mas não consegui ingressar como marinheira e seguir carreira. Quando me formei em odontologia eu vi possibilidade de ingressar. Dentro da área militar sempre tive uma paixão pela cor branca e sou da área da saúde, que usa branco. Conseguir unir as duas coisas e representar a Marinha do Brasil e exercer minha profissão”, relatou.

Depois do resultado das provas os candidatos vão passar por alguns exames como inspeção de saúde, teste de aptidão física, verificação de dados biológicos, verificarão de documentos, avaliação psicológica e período de adaptação. Quem tem interesse em saber quais os concursos que estão disponíveis para ingressar na Marinha do Brasil, acesse: www.igressonamarinha.mar.mil.br.

Fonte: ASCOM